Saiba quais as projeções para a construção civil em 2022

Setor imobiliário seguirá forte no segmento luxo e superluxo, mas círculo virtuoso virá da infraestrutura
18 de janeiro de 2022

Saiba quais as projeções para a construção civil em 2022

Saiba quais as projeções para a construção civil em 2022 1024 683 Cimento Itambé
Terminal privatizado, e recentemente construído no porto de Santos-SP: investimento em infraestrutura tende a liderar volume de obras em 2022 Crédito: Agência Brasil

O ano de 2022 começa com um otimismo moderado. No campo da construção imobiliária, há sinais que incentivam construtores e incorporadores a investirem em novos empreendimentos, assim como existem fatores que preocupam o setor. Entre eles, segundo aponta a pesquisa Cenário Construtivo Brasileiro, inflação, incertezas políticas e risco de escassez de material de construção.  

Por outro lado, o estudo patrocinado pela ABRAINC (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias) e realizado pela consultoria Deloitte, mostra que 80% dos incorporadores vão investir na compra de terrenos e em novos projetos imobiliários ao longo do ano.  

O que motiva os incorporadores é a disponibilidade de recursos para a construção imobiliária – conhecidos tecnicamente como funding -, e o apetite dos investidores por novos imóveis, principalmente no segmente de luxo e superluxo. Há também o PIB da Construção de 2021, que a CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção) estima em 7,6% – o maior em 10 anos -, o qual dá fôlego para que o setor siga crescendo em 2022, ainda que em ritmo menor. 

A projeção é que o PIB da Construção não passe de 2% este ano. Porém, o presidente da ABRAINC, Luiz Antonio França, acredita que poderá haver surpresas positivas. A confiança dele está na seguinte análise. “Diversas empresas do setor foram ao mercado de capitais e conseguiram levantar 9 bilhões de reais com ofertas primárias e follow-ons. Isso resulta em empresas financeiramente saudáveis e amplo acesso ao mercado de crédito”, diz. 

Já no segmento da construção pesada, voltada para obras de infraestrutura, a expectativa é que as novas concessões de rodovias, ferrovias, portos, aeroportos e saneamento gerem um círculo virtuoso. O mercado avalia que o pacote de leilões negociados em 2020 e 2021 possa gerar 160,1 bilhões de reais de investimento nos próximos 4 anos. O Livro Azul da Infraestrutura, publicado anualmente pela Abdib (Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base) confirma essa previsão. “É inequívoco que haverá um crescimento relevante do investimento privado em infraestrutura”, afirma. 

Indústria de materiais de construção cresce de forma sustentável desde 2018 

A CBIC faz análise semelhante. Existe a crença de que o bom desempenho da construção civil em 2022 virá mesmo das obras de infraestrutura. No entender do organismo, o programa habitacional Casa Verde e Amarela, por conta da taxa Selic acima de 10%, dificilmente viabilizará novos contratos, o que deve afetar os bons números que a construção imobiliária apresentou em 2020 e 2021, apesar da pandemia de COVID-19. “Em 2022, o crescimento do setor será sustentado pelo que já está contratado do Casa Verde e Amarela e, especialmente, pelo incremento de investimento em infraestrutura”, afirma o presidente José Carlos Martins.  

Entre as opiniões coletadas, a Abramat (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção) avalia que o PIB do setor se manterá positivo em 2022, e acima do PIB nacional. Em 2021, o segmento de materiais de construção cresceu 8%. Para este ano, a projeção varia de 4% a 9%, segundo avaliação da Fundação Getúlio Vargas. “Registramos crescimento sustentável desde 2018. Para 2022, a meta é manter esse patamar”, finaliza o presidente Rodrigo Navarro.  

Entrevistados 
ABRAINC (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias), CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção), Abdib (Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base) e Abramat (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção) 

Contatos 
abrainc@abrainc.org.br 
ascom@cbic.org.br 
abdib@abdib.org.br 
abramat@abramat.org.br 

Jornalista responsável:
Altair Santos MTB 2330

18 de janeiro de 2022

VEJA TAMBÉM NO MASSA CINZENTA

MANTENHA-SE ATUALIZADO COM O MERCADO

Cadastre-se no Massa Cinzenta e receba o informativo semanal sobre o mercado da construção civil