Saiba quais são os dez mandamentos da edificação segura

header-hero-new02.jpg

Saiba quais são os dez mandamentos da edificação segura

Saiba quais são os dez mandamentos da edificação segura 1024 331 Cimento Itambé

Guia do Deconcic/FIESP aponta quesitos fundamentais para preservar as construções de riscos que possam vir a ameaçar a vida humana

Guia da construção segura foi lançado dia 1º de novembro de 2017 pelo Deconcic/FIESP
. Crédito: Ayrton Vignoli/FIESP

Guia da construção segura foi lançado dia 1º de novembro de 2017 pelo Deconcic/FIESP
. Crédito: Ayrton Vignoli/FIESP

O incêndio que causou o colapso de um edifício sem manutenção na cidade de São Paulo-SP reforça o trabalho elaborado pelo Departamento de Construção Civil da FIESP (Deconcic/FIESP), que lançou recentemente o guia para a edificação segura. O documento aponta 10 quesitos fundamentais para preservar as construções de riscos que possam vir a ameaçar a vida humana. Cinco estão relacionados ao projeto arquitetônico, à qualificação da mão de obra, aos materiais de construção, às empresas instaladoras e à inspeção e à manutenção.

Outros cinco se relacionam com o projeto estrutural e com os sistemas hidráulico, elétrico, de gás e de segurança contra incêndio da edificação. “O tema é bastante relevante, pois envolve a ampliação da oferta de soluções de produtos, componentes e sistemas voltados para a segurança em estruturas, vedações, esquadrias, sistemas prediais elétricos e de combate a incêndio, entre outros”, diz o enunciado do Deconcic/FIESP. O documento ressalta que o guia atende a todo o estoque de edifícios existente no país.

Dois grupos de trabalho da FIESP atuaram na elaboração do guia: o GT Segurança em Edificações e o GT Sistemas Prediais. São organismos que se dedicam a pesquisar o tema e atuam pela conscientização da sociedade sobre os aspectos relacionados à qualidade e à manutenção dos sistemas prediais das edificações. “Uma construção segura nasce de um bom projeto, em que são especificados os sistemas construtivos e os materiais mais adequados”, ressalta o guia.

Os 10 mandamentos da edificação segura são os seguintes:

Projeto correto
É nesta fase em que são especificados os materiais a serem adotados e definidos os métodos construtivos. Estas escolhas refletem diretamente no valor do investimento, no planejamento, no cronograma da obra e nas características de desempenho da edificação, como segurança, durabilidade e qualidade.

Mão de obra qualificada
A mão de obra na construção civil é tão importante quanto a elaboração de um bom projeto executivo, pois será ela a responsável pela interpretação das informações e pela correta aplicação dos materiais, sendo uma das principais causas do sucesso ou fracasso de um empreendimento.

Materiais de construção
As propriedades e características variam de material para material e sua especificação é realizada na etapa do projeto, cabendo a esse profissional conhecer as propriedades básicas e levar em consideração alguns requisitos mínimos, tais como segurança, durabilidade, estética e custo, para realizar a escolha correta.

Serviços com qualidade
As empresas instaladoras responsáveis pela construção funcionam como verdadeiras “integradoras” dos principais elementos de segurança: projeto, material e mão de obra. Uma instalação final confiável depende do nível de conhecimento dos requisitos técnicos e observação das melhores práticas adotadas no mercado por parte dessas empresas.

Inspeção e manutenção predial
É responsabilidade do usuário realizar as atividades de manutenção, a partir do recebimento do imóvel. Quanto mais antiga for a edificação, maior devem ser esses cuidados. Por isso, manutenções preventivas e inspeções prediais periódicas são fundamentais para contribuir com a durabilidade e segurança da edificação.

Sistema estrutural
O sistema estrutural é um conjunto de elementos, que juntos, suportam e garantem a estabilidade e segurança de uma edificação. Esses elementos são dimensionados e especificados em projeto. As estruturas podem ser compostas por diversos tipos de materiais,
o mais utilizado no Brasil é o concreto armado.

Sistema hidráulico
As instalações hidráulicas prediais são sistemas compostos por tubos e conexões, reservatórios, peças e equipamentos, entre outros componentes especificados em projeto e que funcionam como uma rede. Para garantir o correto desempenho, as instalações devem ser projetadas, executadas e mantidas, seguindo as normas técnicas vigentes.

Sistema de gás
A instalação predial de gás visa conduzir o combustível de forma contínua, interligando a rede externa da distribuidora, ou a central estacionária de gás, até os pontos de utilização. Além da operacionalidade, o sistema precisa garantir a plena segurança da edificação e de seus usuários e oferecer perfeito funcionamento aos aparelhos dos consumidores.

Sistema elétrico
As instalações elétricas prediais representam a interligação adequada de diversos componentes, especificados em projeto, para atender com segurança a um determinado uso, compatível com o tipo e quantidade de aparelhos eletroeletrônicos previstos na edificação. Com base nos níveis de tensão nominal, são classificadas como baixa, média ou alta tensão.

Sistema contra incêndio
A instalação predial de prevenção e combate a incêndio é um procedimento regulamentado pelo Corpo de Bombeiros, com base em suas instruções técnicas. O objetivo principal do sistema é evitar o princípio de incêndio. Porém, em uma eventual ocorrência, sua função é dificultar a propagação do fogo.

Veja o guia completo

Entrevistado
Reportagem com base no guia da edificação segura elaborado pelo Departamento de Construção Civil da FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo)

Contato: observatorio@fiesp.com.br

Jornalista responsável: Altair Santos MTB 2330
VEJA TAMBÉM NO MASSA CINZENTA
Geral
Comprovado: pavimento de concreto emite menos CO2

O Banco Mundial aponta que existem quase 45 milhões de quilômetros de rodovias pavimentadas no planeta – a maioria em asfalto. Isso levou o Centro de Sustentabilidade do Concreto do MIT (do inglês, Concrete Sustainability Hub [CSHub]) a medir o impacto ambiental causado pelo tráfego constante dos veículos sobre as estradas. A conclusão do trabalho no Massachusetts Institute of Technology (MIT) revela porque o pavimento […]

MANTENHA-SE ATUALIZADO COM O MERCADO

Cadastre-se no e receba o informativo semanal sobre o mercado da construção civil